30 setembro 2009

#319

tinha um post aqui, vocês sabem. várias pessoas comentaram, e uma caralhada de gente leu (me espantei, até... nunca vi tanta visita junta).

como vocês podem ver, ele não está mais aqui.
basicamente, eu fui chamada de ardilosa, manipuladora e acusada de escrever meias verdades e ser parcial.
eu nem vou entrar no mérito de que o blog é meu, os sentimentos idem e é CLARO que vou ser parcial. a questão é que não importa mais. se eu chorei, se bebi, se me rasguei, se fiz merda, se sofri, se envergonhei as pessoas à minha volta, se me decepcionei. não tem mais espaço pra isso na minha vida. eu sei o tamanho do buraco onde eu estava. várias das pessoas que lêem aqui sabem. fernanda, que me dava suporte online 24/7. clara, que me viu no auge do fundo do poço, aos prantos num ônibus. vanessa e patsy, que seguraram minha onda e me distraíram no msn. ingred e bianca, que conhecem a história desde o início. amanda e carol, que nem lêem aqui mas não importa, e que me distraíam quando tudo o que eu queria era sumir do fundão pra não precisar esbarrar nele. e tantos emails, e comentários, e mensagens no twitter. e tanta gente estranha que tirou uns minutinhos do seu tempo pra vir aqui dizer alguma coisa delicada.

se eu tivesse que justificar algo seria pra vocês, que estavam aqui. e não pra uma pessoa que só teve interesse em vir se inteirar dos fatos 4 meses depois. se eu escrevo um monte de bosta, se fiz piada com a merda que estava minha vida, se sou "junkie e bêbada", se interajo com argentinos ou bogus ou gente bizarra que mete a mão na minha calça, se "encho o cu de tarja preta e saio pra festejar" (juro. o termo usado foi festejar), olha, foi mal. é só que eu continuo viva, sabe? ele pega a mariana, eu tomo rivotril, cada um tem a droga que merece. eu tirei o post daqui não porque pretenda desmentir qualquer coisa que disse. mas porque alfinetar e debochar, sinceramente, não vão me levar a nada. debochar de quê? não tem nem graça, sabe? na verdade é triste. triste que eu tenha me sentido tão mal, e triste que eu ainda me importe o bastante pra postar aquilo, e agora isso. mas que seja.

o texto está guardadinho e eu só tenho a agradecer por vocês mais uma vez terem entendido o que eu queria dizer.
este assunto pra mim está morto com todas as suas implicações. quem abandona não tem o direito de questionar nada. se desse alguma importância estaria , como tanta gente esteve.

e chega.

21 comentários:

  1. hey, babe faça como eu, CAGUE !

    Nego vem do nada, vindo das profundezas do mar
    oferenda devolvida por Iemanjá e faz uma diarréia verbal?
    CA-GUE

    Nego vem e pega uma fucking menininha com dedinho na boca
    descobre que o máximo que ela consegue ao manter um diálogo
    é enfiar um sorvete na testa e resolve 'retomar ' contatinho?
    CA-GUE e ande.

    E desculpae mas manter um relacionamento por 5 anos com um elemento assim
    é ...sei lá.
    Triste.

    Assim, se quiser sei lá rir um pouco tamos aew
    pq minha vida é uma piada e brother, to rindo ainda sim.

    E ó, JAH-ZEPAN é vida.
    hahah

    (irina_nigg@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  2. Leio o seu blog há muito tempo, nunca comentei, mas agora eu tenho que falar... MEU VC É FODA. Sou seu fã!

    ResponderExcluir
  3. "vá bater punheta pra fucking mariana" é a melhor tag do universo. E tenho dito.

    Agora, cada um sabe da sua vida. Se eu encho a cara pra não enfrentar a merda que há na minha hoje, foda-se, é escolha minha. Se você usa os remédios pra se amortecer, talvez haja algo que tenha te derrubado - quem sabe o fim inesperado de uma relação de cinco anos, OI? Se ele come marianinha (mariana vagabunda!, como a música do Skank) mas se importa em encher saco de ex, FICA DICA, algo tá errado na tua vida também, ô fulano.
    Odeio gente que se mete na vida alheia e não olha pra própria. >.<

    ResponderExcluir
  4. Não comento aqui mas leio há tempos, e essa história de fim de namoro de cinco anos me é muito familiar.

    Olha, gata. Eu não sei o que dizer. Só que nossa felicidade irrita as pessoas. Como assim vc tá vivendo a sua vida e não tá enfiada num quarto escuro chorando por ele? As pessoas têm dificuldade em aceitar isso.
    Você tá puta e tem todo o direito. Se vc toma rivotril ou clonazepam ou o caralho que o parta, é problema seu. Se vc é junkie e bêbada, o problema é seeeeeeu, afinal foi ele que te largou.

    Então, gata. Pros infernos. E bora interagir com argentinos e com pessoas q botam a mão dentro da sua calça. Porque, né?, embora não seja sempre agradável, isso é viver.

    ResponderExcluir
  5. Realmente é muito triste quando as pessoas só pensam em julgar quando poderiam se importar mais com nossos sentimentos...é complicado...mas não deixe isso abalar você, dê a volta por cima. Você sempre terá aqui pessoas que querem te animar e te derrubar. Cabe a você decidir quais escutar. E sacode a poeira!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. exatamã isso que eu quis dizer quando falei que não ia "dar moral" no twitter. pq calega, eles acham que são algum tipo de divindade quando vc reclama. e não adianta, todo mundo sempre vê a pessoa que reclama como parcial e recalcada (todo mundo que é BESTA, deixemos claro).
    ainda que vc diga com todas as letras que está falando no assunto só pra mostrar pRo mundo que idiota dá em árvore e que aprecia saber que vc não está só, eles sempre acharão que é pq são inesquecíveis e superiores. MEU OVO pra esses caras. MEU OVOOOOO!

    ResponderExcluir
  7. é engraçado que ontem uma amiga minha mandou seu post apagado dizendo que adorava o blog. e foi o primeiro que eu li. e depois eu li vários. eu não te conheço e não conheço a história, mas o que não falta no mundo é gente retardada-esquizofrênica-bipolar que devia andar com caco de vidro moído no cu. mas o mundo não é um lugar bom assim. a única coisa que eu não entendo é porque a gente sofre tanto por isso...

    ResponderExcluir
  8. Gostei que manteve a TAG.

    E, como diriam Timão e Pumba (e alguém começou/comentou ali em cima):

    Isso é viiiveeer... é apreeender... HAKUNA MATATA!

    ResponderExcluir
  9. The end para esse babaca.
    Vc está certa gata.

    ResponderExcluir
  10. "quem abandona não tem o direito de questionar nada."

    É isso mesmo. Chega.


    Ah, adorei a tag.

    ResponderExcluir
  11. Ex bom é exorcizado. Foda é nego querendo censurar blog pessoal, sendo que ELE É QUE FOI ATRÁS. Tem mais é que tomar no cu mesmo. E sozinho, que a Mariana pelo visto não tá fazendo o serviço direito.

    Quase deletei o meu blog esses dias por ter gente desnecessária lendo, mas olha, mandei procurar não. E concordo que o babaca ae não vale uma mísera linha, mas nem fodendo tu devias ficar te podando só porque ele não aguenta ler a verdade nas linhas de quem sentiu a fucking dor na pele.

    Um beijo e mais sorte nos próximos.

    ResponderExcluir
  12. Força aí flore.. e segue sua vida que com certeza é a melhor coisa que faz!!
    Nós ilustres desconhecidos estaremos aqui pra toda e qualquer sessão de terapia ou risadas por vir!!
    Bjos!!

    ResponderExcluir
  13. Você sabe que tá certa, a gente sabe, quem precisa saber, Raquel-coisafofa, sabe. E isso basta, não basta? Basta sim. A gente tá contigo e não abre.

    ResponderExcluir
  14. Você é fodástica! Tenho dó dele e dessa Mariana. Você é uma DEUSA!

    Sabe, eu passei pela mesma coisa que você. Só que eu não aguentei falar com ele mais (não como eu mesma), eu fiz questão de deixar bem claro pra ele que eu sabia que ele era um bosta e que não ia se fazer de desentendido pra cima de mim. Eu seduzi (eu não presto) a garota pela qual ele me trocou, fiz ela se encantar por mim e fodi com eles. Também seduzi ele (é, eu sou sociopata) e depois revelei que era eu, fazendo ele surtar a ponto de passar mal. Eu não aguento esperar a justiça divina, sabe? Aqui se faz, aqui se paga.

    ResponderExcluir
  15. Melhor tag ever!!! Rachei! Nunca comento mas leio o blog a milenios. Arrocha ai nega que he necessario muita oracao para esses orixas devolvidos encontrar a luz. Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Droga, eu entro no seu blog quase diariamente e foi justo na semana em que eu tô ocupadíssima trabalhando. Perdi a bomba =((

    ResponderExcluir
  17. Oi Flor,
    É isso ai, enterre esse assunto, essa pessoa, essa bad trip que foi esses meses.
    Boa p/ frente, que vc merece viver bem e feliz.
    E não se atrasando por alguém que não está nem ai, bem provavel, nem p/ a vida dele.

    Beijo grande;

    ResponderExcluir
  18. ai o blog eh seu e vc faz o que quiser.. e nem precisa se justificar. deixa esse bucha pra lá e continue nos divertindo com suas histórias ótimas! um bjo e fique bem!

    ResponderExcluir
  19. "ele pega a mariana, eu tomo rivotril, cada um tem a droga que merece."

    Vc é ótima! E está certa: chega!

    ResponderExcluir
  20. Eu tinha achado o posto muito dez, e acho que vc não devia ter tirado. Que se fodam esses filhos da puta!
    bjs,

    ResponderExcluir